Afeganistão

Explosões na área do Aeroporto de Cabul matam pelo menos 5 pessoas

Fumo no céu de Cabul após a explosão nas imediações do Aeroporto de Cabul a 26 de Agosto de 2021.
Fumo no céu de Cabul após a explosão nas imediações do Aeroporto de Cabul a 26 de Agosto de 2021. AP - Wali Sabawoon

Pelo menos 5 pessoas morreram e cerca de uma dezena ficou ferida nesta quinta-feira em Cabul na sequência de duas explosões nas imediações do Aeroporto Internacional de Cabul, segundo relato da agência noticiosa AFP.

Publicidade

Da lista das vítimas constam cidadãos americanos, informa o Pentágono através do respectivo porta-voz John Kirby na rede social Twitter.

"Confirmo que a explosão em Abbey Gate se deve a um atentado complexo que fez um certo número de vítimas americanas e civis", afirmou Kirby.

Este acrescentou também que "pelo menos uma outra explosão ocorreu no ou perto do Hotel Baron, nas imediações de Abbey Gate".

Abbey Gate é um dos três ponto de acesso ao Aeroporto de Cabul.

Também o embaixador da França na capital afegã, David Martinon, na mesma rede social, apelou a que as pessoas no Aeroporto de Cabul deixassem imediatamente a área devido a este contexto de explosões.

Alerta idêntico tinha sido dado pelo seu homólogo americano em Cabul.

O assunto foi abordado pelo presidente francês aquando de uma conferência de imprensa conjunta em Dublin com o primeiro-ministro irlandês Micheál Martin.

Emmanuel Macron afirmou que a França tentaria ainda evacuar algumas centenas de pessoas retidas em Cabul. Porém o embaixador francês deverá prosseguir a sua missão a partir de Paris e deve deixar o terreno afegão, afirmou ainda o chefe de Estado gaulês.

"A situação degradou-se bastante nas imediações do Aeroporto militar. De há vários dias a esta parte a França, e outros aliados, está a fazer o máximo nestas cirunstâncias.

Continuaremos a fazê-lo, enquanto estiverem reunidas as condições para o efeito, no complexo do Aeroporto e, neste momento, deparamos com esta situação extremamente tensa que nos leva, obviamente a coordenar-nos com os nossos aliados americanos.

Apelamos à maior prudência a todos num contexto que nos ultrapassa, como é do domínio público.

Penso especialmente nas famílias e em todos aqueles que tentam pôr a salvo as respectivas vidas e deixar o país, numa altura em que várias explosões ocorreram nas últimas horas e minutos nas imediações do Aeroporto."

Emmanuel Macron, presidente francês, 26/8/2021

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI