Artes

"Siri" cria uma sinestesia entre o humano e a tecnologia

Áudio 09:48
"Siri" de Marco Da Silva Ferreira, Jorge Jácome apresentado em Paris, Julho de 2021.
"Siri" de Marco Da Silva Ferreira, Jorge Jácome apresentado em Paris, Julho de 2021. © Siri

Seis anos depois do espectáculo Íris, o coreógrafo Marco da Silva Ferreira e o realizador Jorge Jácome voltam a criar um novo capítulo na relação entre dança e cinema.

Publicidade

O espectáculo Siri foi apresentado este mês, dias 1, 2 e 3 de Julho, em Paris no Théatre de la ville. Siri recria um espaço partilhado entre o real e o virtual, onde os corpos dos intérpretes e os suportes tecnológicos se fundem.

Uma viagem num universo tecnológico ontem o corpo humano parece ser uma miragem, através de um olhar futurista das nossas sensações.

Em palco, 12 robôs contracenam com quatro interpretes numa dança cruzada onde o humano e o tecnológico que misturam.

Marco Da Silva Ferreira e Jorge Jácome.
Marco Da Silva Ferreira e Jorge Jácome. © RFI

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI