Convidado

Republicanos "já estão a abandonar Donald Trump"

Áudio 10:31
Donald Trump continua a recusar reconhecer a vitória do candidato democrata Joe Biden nas eleições presidências nos Estados Unidos.
Donald Trump continua a recusar reconhecer a vitória do candidato democrata Joe Biden nas eleições presidências nos Estados Unidos. AFP/File

O Presidente cessante, Donald Trump, continua a não reconhecer a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais nos Estados Unidos. O candidato republicano mudou de estratégia e, em vez de fraude, fala agora em votos ilegais, tendo anunciado para esta segunda-feira uma serie de recursos diante da justiça norte-americana para exigir, nomeadamente, a recontagem dos votos no estado da Pensilvânia.

Publicidade

Em entrevista à RFI, o professor universitário Viriato Soromenho Marques analisa as chances do Presidente cessante, Donald Trump, nesta batalha judicial e fala numa transição complicada.

" Será uma transição complicada. A possibilidade deste caso poder chegar ao Supremo Tribunal é imensa, mas mesmo para estes juízes será muito difícil inverter o resultado das urnas".

Viriato Soromenho Marques reage ainda à possibilidade destes resultados eleitorais poderem representar o fim do "Trumpismo" nos Estados Unidos.

"Se o partido republicano se aliar a Trump será o suicídio do partido. Os dirigentes políticos do partido, mesmo antes das eleições, já estavam a abandonar Trump. Trump foi usado como um cavalo que ganhou a corrida, mas o cavalo ganhador perdeu. O partido republicano não tem interesse em ficar ligado à imagem de um primeiro Presidente, na história americana, que não aceitou cavalheirescamente a derrota".

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI