Convidado

Salvador Freire: «Revisão constitucional pode pôr em risco as eleições gerais»

Áudio 07:52
Presidente de Angola, João Lourenço.
Presidente de Angola, João Lourenço. © LUSA - AMPE ROGÉRIO

A pouco mais de um ano das eleições gerais, o Presidente angolano, João Lourenço, apresentou uma proposta de revisão da Constituição, que foi anunciada pela Presidência.

Publicidade

Uma revisão criticada pela oposição que considera que em fase pré-eleitoral, a revisão da Constituição pode levantar suspeitas sobre a não realização das eleições gerais de 2022.

Para Salvador Freire, advogado angolano e presidente da associação "Mãos Livres", a revisão é necessária mas deveria ser mais profunda e não apenas superficial, admitindo também que esta revisão pode realmente adiar as eleições gerais e autárquicas.

Salvador Freire, advogado angolano e presidente da associação "Mãos Livres"

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI