Revista de Imprensa

Porto de Sines na guerra comercial EUA–China

Áudio 02:46
Porto de Sines em Portugal
Porto de Sines em Portugal © AFP - PATRICIA DE MELO MOREIRA

Na primeira página do Le Monde a Concessão do Porto de Sines, em Portugal, apanhada na guerra comercial EUA–China. O Porto de Sines, líder nacional na movimentação de mercadoria, vai ter um novo terminal. Os Estados Unidos entraram na corrida para esta concessão que já estava na mira dos chineses. Se conseguirem, conquistam uma peça estratégica para Pequim construir uma nova Rota da Seda.

Publicidade

 Ainda no Le Monde, os protestos em Belfast, na Irlanda do Norte, com os unionistas a recear que os acordos comerciais do pós-Brexit deixem a Irlanda do Norte separada do resto do Reino Unido.

A China e os Estados Unidos a fazer a primeira página do Le Figaro. O diário escreve “Entre a China e os Estados Unidos a nova guerra das estrelas”, numa referência às rivalidades espaciais, onde Pequim ameaça cada vez mais a supremacia de Washington numa nova corrida às armas. 

O diário destaque ainda o início do debate sobre a eutanásia  em França, o texto divide profundamente os parlamentares.

“O Ena está morto, Viva o ENA”, titula o Libération. O jornal salienta a decisão do chefe de Estado Emmanuel Macron de acabar com a Escola Nacional de  Administração. A escola tornou-se num símbolo de uma elite tecnocrata e estava na mira das autoridades deste o movimento dos Coletes Amarelos. No entanto, o jornal refere que se está perante uma decisão de fachada, sublinhando que se trata apenas da mudança de nome.

“Assassinato Sankara: A cumplicidadade da França”, escreve em letras garrafais, esta sexta-feira, L'Humanité. O jornal diz que novos elementos reforçam a hipótese da cumplicidade de Paris na morte do antigo Presidente do Burkina Faso, Thomas Sankara, em 1987. A justiça do país deve pronunciar-se na próxima semana sobre a realização do julgamento. 

No La Croix chamada de atenção para a entrevista ao comissário Europeu responsável pela fabricação da vacina, que promete atingir a imunidade de grupo em França até ao dia nacional do país, a 14 de julho. Thierry Breton fala ainda dos benefícios da vacina da AstraZeneca contra o Covid 19.

O Aujourd'hui en France questiona os leitores sobre a possibilidade de Kylian Mbapé estar na corrida para uma segunda bola de ouro e o L'Équipe escreve “Do 8 ao 80”. O diário desportivo refere-se ao desaire do PSG frente ao Lille no fim de semana passado e à estrondosa vitória  dos parisienses face ao Bayern de Munique.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI