Acesso ao principal conteúdo
São Tomé e Príncipe

São Tomé e Príncipe: Evaristo de Carvalho com 42 mil votos

Evaristo de Carvalho, candidato único à segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe
Evaristo de Carvalho, candidato único à segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe RFI/Liliana Henriques
Texto por: Liliana Henriques
2 min

Não houve dúvidas quanto ao desfecho da segunda volta das presidenciais de São Tomé e Principe, com o único candidato Evaristo de Carvalho da ADI a obter cerca de 42 mil votos. O escrutínio foi marcado por uma taxa de abstenção de 54%.

Publicidade

Apesar de não ter havido muita margem de dúvidas quanto ao desfecho da segunda volta das presidenciais de São Tomé e Principe, uma segunda volta com um único candidato Evaristo de Carvalho da ADI, no poder, o dia de ontem não terá deixado de ser marcado por algum suspense quanto à taxa de abstenção, única adversária de Evaristo Carvalho.

Contagem dos votos na segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe
Contagem dos votos na segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe RFI/Liliana Henriques

Segundo os resultados provisórios divulgados ontem à noite pela Comissão Eleitoral Nacional, num universo de 111.222 eleitores, 51.173 votos se expressaram, Evaristo de Carvalho tendo recolhido 42.058 escrutínios face a uma abstenção que atingiu uma taxa de 54%.

Oiça aqui a divulgação dos resultados por Alberto Pereira, Presidente da Comissão eleitoral Nacional.

Alberto Pereira, Presidente da Comissão Eleitoral Nacional

Alberto Pereira, presidente da Comissão Eleitoral Nacional, durante anúncio de resultados
Alberto Pereira, presidente da Comissão Eleitoral Nacional, durante anúncio de resultados RFI/Liliana Henriques

Apesar disto, Evaristo de Carvalho minimizou o impacto desta taxa de abstenção, considerando que foi eleito de modo "justo". Tanto ele como o Primeiro-ministro Patrice Trovoada, que se envolveu muito na campanha, atacaram o presidente cessante, Manuel Pinto da Costa, bem como a antiga primeira-ministra Maria das Neves, respectivamente segundo e terceiro mais votados na primeira volta.

Oiça aqui as declarações de Patrice Trovoada:

Patrice Trovoada, Primeiro-ministro

Com efeito, tanto um como o outro não foram votar ontem em sinal de protesto contra um processo eleitoral que consideram manchado por irregularidades.

Evaristo de Carvalho manifestou-se "satisfeito" com o resultado, relativizando a elevada taxa de abstenção: "Acho que a minha eleição está limpa, está clara, não me preocupo com a abstenção."

Evaristo de Carvalho sobre a abstenção

Por outro lado, o único candidato à segunda volta considerou a sua vitória como "consequente" e falou em uma "nova era com coesão política e estabilidade governativa".

Discurso de Evaristo de Carvalho

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.