São Tomé e Príncipe

Chuvas causam prejuízos avultados no Príncipe

Aeroporto da Ilha do Príncipe
Aeroporto da Ilha do Príncipe TELANON
3 min

As fortes chuvas que se abateram na última semana na região autónoma do Príncipe provocaram estragos avaliados em cerca de 245 mil euros. As autoridades acreditam que as verbas para a recuperação de uma boa parte dos prejuízos possam vir a ser contempladas no orçamento regional para 2017.

Publicidade

A Ilha do Príncipe foi assolada na semana passada por chuvas torrenciais que fizeram transbordar o caudal do Rio Papagaio, que atravessa a capital regional Santo António. As chuvas destruíram algumas habitações e provocaram danos materiais incalculáveis nas pistas rurais, plantações agrícolas e cortes de energia.

A água chegou também ao único e principal hospital Manuel Quaresma Dias Da Graça que que viu parte dos seus equipamentos e medicamentos destruídos.

Esta segunda-feira as autoridades enviaram ao governo central um levantamento dos estragos e aguardam uma resposta rápida para responderem às necessidades da população. Francisco Gula, secretário regional para as Infra-estruturas, Recursos Naturais e Ambiente garantiu que esta a ser todos os esforços de forma a reabilitar algumas infra-estruturas que foram destruídas pelas fortes chuvas.

Francisco Gula acredita que as verbas para a recuperação de uma boa parte dos prejuízos causados pelas chuvas possam vir a ser contempladas no orçamento regional para 2017.

As fortes chuvas que se abateram na última semana na região autónoma do Príncipe provocaram estragos avaliados em cerca de 245 mil euros. As últimas intempéries na ilha do Príncipe remontam a 1973.

Correspondência de Maximino Carlos

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI