Convidado

São Tomé e Príncipe : e depois de Taiwan ?

Áudio 08:42
Patrice Trovoada, primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe.
Patrice Trovoada, primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe. AFP/Francisco Leong

O primeiro ministro são-tomense Patrice Trovoada anunciou o corte formal nas relações diplomáticas com Taiwan e reconheceu a existência de uma só China.Em conferência de imprensa, o ministro dos negócios estrangeiros taiwandês David Lee acusou o arquipélago de pedir uma " quantia astronómica em apoio financeiro". Taiwan não conseguiu satisfazer as exigências do executivo de Patrice Trovoada.Durante quase vinte anos, Taiwam apoiou o arquipélago financeiramente, mas também levou a cabo o desenvolvimento estrutural do país em sectores com a educação, infra-estruturas, energia e saúde.Para o sociólogo são-tomense Olívio Diogo as expectativas relativamente ao que vai acontecer são grandes.