Acesso ao principal conteúdo
S. Tomé e Príncipe

CNE e resultados do recenseamento eleitoral em S. Tomé e Príncipe

Alberto Pereira, presidente da Comissão Eleitoral Nacional de S. Tomé e Príncipe
Alberto Pereira, presidente da Comissão Eleitoral Nacional de S. Tomé e Príncipe RFI/Liliana Henriques
Texto por: RFI
4 min

A Comissão eleitoral nacional de S. Tomé e Príncipe divulgou os números dos santomenses recenseados, um pouco mais de 91 mil eleitores, números que ainda poderão ser corrigidos, já que não são definitivos. 

Publicidade

A Comissão Eleitoral Nacional de S. Tomé e Príncipe, anunciou esta sexta-feira, (26)  que foram registados no recenseamento eleitoral cerca de 91 mil 167 eleitores, mas o número ainda não é definitivo.

É que começou agora  uma segunda fase do processo de recenseamento, que consiste no tratamento dos dados, publicação dos cadernos eleitorais, reclamação e recursos.

A comunicação definitiva do número total de eleitores que vão poder participar nos próximos escrutínios é a 24 de julho.

Segundo o presidente da comissao, Alberto Pereira, houve muitos constrangimentos nos três meses de recenseamento eleitoral, como o "fator climático, a falta de energia elétrica e até mesmo a adaptação dos recenseadores à nova tecnologia", de emissão dos novos cartões eleitorais biométricos.

"A Comissão eleitoral Nacional, esteve em todo o território durante 3 meses e pensamos que apesar das inúmeras dificuldades que tivemos que enfrentar, podemos dizer que conseguimos criar condições para que todos os cidadãos que quisessem recensear pudessem fazê-lo", sublinhou Alberto Pereira.

Cinco partidos da oposição, três dos quais com assento parlamentar, entregaram hoje uma petição ao presidente do parlamento, exigindo uma auditoria externa ao processo de recenseamento.

Maximino Carlos, correspondente em S. Tomé e Príncipe.

Maximino Carlos, correspondente em S. Tomé e Príncipe

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.