São Tomé e Príncipe

São Tomé: primeiro-ministro obtém voto de confiança

Jorge Bom Jesus, primeiro-ministro são-tomense
Jorge Bom Jesus, primeiro-ministro são-tomense Facebook MLSTP PSD

Em São Tomé e Príncipe, o primeiro-ministro, Jorge Bom Jesus, testou a capacidade dos deputados que sustentam politicamente o seu executivo, e obteve o voto de confiança para governar com maior tranquilidade. 

Publicidade

Jorge Bom Jesus antecipou assim a tentativa de a oposição derrubar, no parlamento, o seu governo,

Apesar de a ADI exigir a demissão de dois dos seus ministros, justiça e defesa, o chefe do governo santomense está determinado a implementar a sua política, sobretudo, no combate à corrupção.

A oposição, nomeadamente, o ADI, fragmentada por lutas intestinas, insurgiu-se perante os argumentos dos partidos da coligação no poder (MLSTP-PSD-PCD, MDFM E UDD).

O voto de confiança a Jorge Bom Jesus, acontece numa altura em que as Nações Unidas e o Banco Mundial (BM) reconhecem a situação difícil do país, e reiteram o compromisso de apoiar sobretudo na vertente social. 

Para a ONU e BM, a estabilidade macroeconómica deve ser um dos elementos para a implementação de reformas visando um crescimento   sustentável.

Oiça aqui a correpondência de Maximino  Carlos, em São Tomé e Príncipe:

 

Maximino Carlos, Correpondência de São Tomé e Príncipe

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI